Tag: viajarpeloseua

Chicago – O que fazer 3

Terminando as dicas do que fazer em Chicago, ai vão mais alguns passeios imperdíveis

Esculturas

Passeando pelo centro da cidade você encontra várias esculturas espalhadas e as principais são:

Pablo Picasso:

de 1966 construída em aço fica em frente ao Civic Center de Chicago, na Praça Daley. A escultura lembra um babuíno, mas Picasso nunca admitiu isso. Hoje é conhecida apenas como The Picasso.

Miró:

de 1981, inicialmente foi denominada de “O Sol, a Lua e uma Estrela”, hoje é denominada Chicago e fica também no Daley Center.

Flamingo:

do americano Alexander Calder inaugurada em 1974. De aço pintado numa cor vermelho-vivo e fica localizado na Federal Plaza.

Mural 4 estações:

de Marc Chagall. Um imenso painel que usa pedras com mais de 250 cores para representar as quatro estações do ano, com diferentes cenas de Chicago.

Arquitetura

A arquitetura da cidade é um show a parte e passeando pela Adams Street, a famosa rua que marca o início da Rota 66 que liga Chicago a Los Angeles, você encontra os prédios mais famosos.  Tem o lindo Rookery Building (209 S La Salle St) e no famoso “beco” da La Salle Street, fica o Federal Reserve Bank (230 S La Salle St) e o Chicago Board of Trade (141 W Jackson Blvd). E só a rua já é bem famosa dos filmes como Batman BeginsTransformers e Untouchables.



Grant Park

Foi exatamente onde aconteceu o Festival Loolapaolloza e como eu fui em dois dias tive a oportunidade de conhecer esse enorme parque. Quero voltar pra ver ele sem as estruturas do festival, mas é lindo anyway.
A grande atração dele é a Buckingham Fountain inspirada nos Jardins do Palácio de Versalhes, em Paris, representa o próprio lago Michigan, cercado por 4 estados simbolizados por cavalos e o chafariz principal pode lançar até 30 metros de altura. À noite fica iluminda e a cada hora tem um show de cores e luzes.

Teatro Chicago

Não é aqui que acontece os maiores espetáculos de Chicago, mas com certeza é o teatro mais rico de história. Inaugurado em 1921 foi chamado “The Wonder Theatre of the World”. Com estilo barroco francês ,exibia lindos filmes e até os anos 50 o preço do ingresso mais caro era US$0,50 (bons tempos hein) Daí eles tentaram se modernizar o que afastou o público na verdade e acabaram fechando em 1985. Reabriu logo no ano seguinte em com um show icônico de Frank Sinatra e até hoje recebe grandes nomes da música .

O publico pode fazer um tour e conhecer os bastidores das coxias e toda a história por trás dos espetáculos. Custa US$ 15 e é oferecido diariamente em três horários: 12h, 13h e 14h.

175 N State St
Site: http://www.thechicagotheatre.com
Horário: Consulte o site e veja a programação das apresentações.

Alladin

Quando tem show da Broadway eu tô sempre dentro !! Sabia que Alladin tinha estreado em NY mas não tive a oportunidade de assistir até me deparar com ele em Chicago. Vale muito a pena, é lindíssimo e super fiel ao filme…apenas o fato de não ter o macaquinho Abu que me frustou um pouco hehe. Mas o show é bem colorido, ótimas músicas e claro produção de parabéns !!! Ah e o Gênio é um show a parte. Veria de novo.

http://www.aladdinthemusical.com/

E ai o que estão achando das dicas de Chicago?
Já agendou a viagem?
Me contem seu próximo destino

Chicago – O que fazer 2

No segundo post sobre Chicago continuamos com as dicas das melhores atrações para conhecer nessa cidade linda. Entre parques, esculturas e teatros seguem o melhor para você aproveitar cada minuto.

Millennium Park

Meu preferido. No coração da cidade um dos parques mais famoso e visitado. Ele é pequenino, e você conhece tudo em 15 minutos (por isso que eu adoro, bem prático e direto haha) incluindo paradas para as fotos, mas cada canto tem algo diferente. Ao ar livre com esculturas e instalações futiristicas o que você não pode deixar de visitar:



Cloud Gate

cartão postal da cidade o famoso ‘’The Bean’’como foi carinhosamente apelidado vale a pena. Uma escultura brilhanete e cheia de reflexos da cidade e que realmente lembra um gigante grão de feijão.

   

Crown Fountain

São duas torres de 15m de altura que projetam imagens dos rostos de pessoas que moram em Chicago, em telas LED de alta resolução e que ficam ‘’ cuspindo a agua’’….por isso considerada uma fonte hehe. Se estiver visitando durante o verão vai se deparar com um monte de crianças correndo pra agua pra se refrescar. Não é algo lindo, deslumbrante, mas é divertida e vale conhecer.

Jay Pritzker Pavillion

coisa mais linda esse teatro a céu aberto. Moderno e inusitado, é o lugar perfeito para assistir as performances ao ar livre que acontecem durante o verão.

Além disso, os trabalhos contemporâneos da Boeing Galleries, estão dispostos ao público para visitação 24h por dia por todo o parque. Assim como festivais de jazz, teatro e dança, que lotam os parques durante o verão. E a grande pista de patinaçãoo de gelo no inverno.

E ai estão gostando das dicas de Chicago? No proximo post tem mais…

Chicago – O que fazer?

A dica hoje é de uma das cidades mais bonitas que já visitei.
Não tem praia, não tem clima bom o ano todo, não tem sombra e agua fresca, mas é aí que está a maravilhosidade dela. É uma cidade super cosmopolita, cheia de vida, prédios altíssimos, uma arquitetura deslumbrante, gastronomia impecável….e limpa, muito limpa. Fiz uma viagem com meu irmão pra lá por uma semana pra conhecer a cidade e aproveitar pra curtir o Festival do Lollapalooza.

Diria que Chicago é uma NYC arrumada, para os americanos (poque a big apple é dos turistas né) sem muita poluição, sem aquele caos (que também amamos) de Manhattan. É uma cidade que ganhou meu coração, deliciosa de passear, tudo no centro vc faz a pé, o transporte público também funciona bem e uber tá aí pra ajudar a gente.

Resolvi então fazer uma série de 6 posts divididos em o que fazer, comer, onde ficar, serviços e o festival do Lollapalooza. Vou contar tudo que fez eu me apaixonar por essa cidade e tenho certeza que fará você também.

Chicago é muito rica de cultura e cheia de coisas pra fazer e conhecer. Listei aqui 5 delas que valem a pena.

 

Willis Tower

Conhecida também como a Sears Tower, com quase 600m de altura de , a torre é um dos pontos mais famosos da cidade.
Se Chicago já é bonita, vista de cima no Skydeck desse prédio, é ainda mais deslumbrante.

O elevador pra subir já é uma atração a parte, , conta um pouco da historia da construção e sobe em segundos dando aquela pressão no ouvido pra já ficar experto. Lá em cima, a vista é panorâmica, sem nenhuma área ao ar livre mas com enormes janelas de vidro. A atração principal são as plataformas de vidro que ‘’saem’’do prédio e você literalmente pisa no ar dando a sensação que está voando. Você vê Chicago debaixo dos seus pés e o lindo Lago Michigan ao fundo, rende lindas fotos. Dependendo do dia você pode pegar grandes filas pra conseguir pisar na atração, mas são rápidas e o bom é que não paga nada extra.
Tem que ir !!!

Ingressos:
US$ 19 (adultos)
US$ 12 (menores de 12 anos)
Obs: O local não oferece lanchonete ou restaurante.

233 S Wacker Dr, Willis Tower’s
Telefone: (312) 875-9447
Site: http://www.theskydeck.com
Horário: Todos os dias, de 10h a 20h.


A tal varanda de vidro que parece que você está flutuando



Amigos que amei encontrar por lá. A Ju que trabalhou comigo no Rock in Rio, e mora hoje com o marido em Detroit e a irmã dela !!

Um dos quadros que ficam expostos no Skydeck mostrando a história de Chicago


O visual !!!!


360 Chicago

Também chamado de John Hancock Observatory, concorrente do Skydeck Willis Tower acima, é também um mirante que oferece diferentes ângulos de Chicago. A vista também é panorâmica que se pode apreciar tanto da passarela do 94º andar como das vidraças do 96º.O 360 atrai muito turista a noite também onde é vista é um espetáculo, você fica só observando o entardecer e os prédios começando a ascender as luzes, iluminando a cidade. Ambos merecem igualmente uma visita. Mas se só tiver uma opção, vá no Willis.
Curiosidades: Tem a maior piscina e patinação indoor do mundo

875 N Michigan Ave, Chicago
Telefone: (888) 875-8439
Site: http://www.jhochicago.com
Horário: Todos os dias, de 9h a 23h.


Chicago Cultural Center

Construído em 1897 para ser a sede da Biblioteca Pública de Chicago, hoje é casa do Chicago Cultural Center com uma arquitetura de influencia renascentista. O espaço recebe todos os anos centenas de eventos, entre exposições, peças de teatros, espetáculos de danças, mostras de filmes e shows musicais abertos ao público. Tudo gratuito! A gente adora !!!!

As grandes atrações são as cúpulas de vidro. São maravilhosas, enormes e com quase 50 mil peças pequeninas compondo tudo. Elas são as maiores do mundo construídas por Louis Comfort Tiffany.

Se você curte arte principalmente de cultura antiga, vale a pena visitar. O prédio oferece um tour guiado gratuito todas as quartas, sextas e sábados, às 13h15.

78 E. Washington St., Loop, Chicago
Telefone: (312) 744-6630
Site: http://www.cityofchicago.org/city/en/depts/dca/supp_info/chicago_culturalcenter.html
Horário: Segunda a sexta: 10h a 19h
Sábado e Domingo: 10h a 17h


Todas essas cúpulas são feitas com os vitrais de Tiffany


Um casamento dentro do Centro (luxo total)

Magnificent Mile

Alguém falou em compras?
Uma das áreas comerciais mais disputadas, o famoso trecho de 13 quadras da Michigan Ave é a principal região de compras da cidade. Além das melhores lojas, você também encontra excelentes restaurante, vários prédios e monumentos conhecidos. Os mais importantes são o Wrigley Building, um belíssimo prédio dos anos 30, e a Tribune Tower, a sede do jornal Chicago Tribune.

Vai de GAP e H&M até Louis Vuitton e Chanel, tem pra todos os gostos e bolsos. Além dos três grandes shopping que eu listei abaixo

Mesmo que não vá fazer compras vale o passeio por essa área.


900 North Michigan Shops

A grande atração deste shopping é uma Bloomingdales com 6 andares. A especialidade, no entanto, são as lojas de luxo entre J. Crew, Gucci, Coach, Michael Kors e Kate Spade.


The Shops at North Bridge

Uma das estrelas da Magnificent Mile. São quatro andares com mais de 50 marcas além da enorme Nordstrom entre elas: A/X Armani Exchange, Boss Hugo Boss, Louis Vuitton, Sephora e Forever XXI. Ótimos restaurantes também como o aclamado Purple Pig.
Dica: pegue o livreto de descontos no concierge

Water Tower Place

O mais completo e variado entre os três. A maior procura é pela Macy’s. Porém, temos também as amadas Abercrombie & Fitch, Adidas, Aeropostale, Banana Republic, Bath and Body Works, Fossil, Hollister Co., Lacoste, Victoria’s Secret etc…

 


Navy Pier

Uma espécie de área de lazer com um píer ao ar livre pra toda família, com carroussel, roda gigante, escalada entre outras pequenas atrações. É uma delicia passear por toda área e por dentro tem ótimos restaurantes com lojinhas de souvenires e a famosa pipoca, maravilhosa delicia Garrett e o Bubba Gump onde almocei, um restaurante bem conhecido dos americanos, com especialidade em camarão e inspirado no filme Forest Gump (falo mais deles no post das comidinhas). Oferece também um grande cinema, casas de espetáculos e vários passeios de barco…sempre no verão. Ahh e a vista pa Chicago vale algumas fotos. No andar de cima do píer, fica a estátua de bronze de Julieta, de Romeu e Julieta, dada de presente a Chicago pela cidade de Verona, na Itália, onde há uma estátua igualzinha.

 
Uma das entradas do Pier que dá direto pro shopping interno e também à entrada do Children’s Museum



O visual da Roda Gigante

Para a maioria dessas atrações existe um City Pass que dá desconto na entrada, escapa das filas e o valor do ingresso sai mais barato . Vou falar mais dele no post de serviços, Acompanhem a gente !!

Me digam se gostaram das dicas?
Vem muito mais por ai

© 2020 Whatatrip

Theme by Anders NorenUp ↑

Please wait...

Gosta de boas dicas, novidades?

Cadastre-se na nossa newsletter e receba todas as melhores dicas e novidades em primeira mão. Coloque seu nome e seu e-mail abaixo e embarque com a gente.
Traduzir »